Mudando sua alimentação

6 passos para você começar a sua reeducação alimentar

outubro 9, 2018
Que atire a primeira pedra quem nunca esperou a segunda-feira chegar para implementar uma reeducação alimentar, encarar uma nova rotina e se livrar de vez de hábitos nocivos e dos quilinhos a mais.
O problema é quando a ansiedade por adotar um estilo de vida mais saudável nos torna radicais e acabamos por excluir por completo alimentos e atividades sociais que nos deixam felizes do dia a dia. Assim, fica difícil manter os bons hábitos por muito tempo, não é mesmo?
É por isso que os especialistas em nutrição e aqueles que conseguem ter uma vida equilibrada e saudável sempre recomendam a reeducação alimentar. E é sobre isso que vamos falar no post de hoje. Confira!

O que é reeducação alimentar?

Desde muito cedo, somos influenciados pelo meio em que vivemos. Se a família tem o hábito de sempre fazer as refeições tomando refrigerante e nunca abre mão da sobremesa, é de se esperar que as crianças cresçam com uma forte dependência de açúcar.
Seguindo a mesma lógica, se os pais não têm o costume de brincar com os filhos ao ar livre e fazem de tudo para não colocar o corpo em movimento, fica muito difícil convencer os pequenos da importância de praticar esportes.
E é aí que entra a reeducação alimentar. A ideia é reaprender do básico como comer da forma correta, saudável, adotando hábitos que podem ser seguidos todos os dias, sem sofrimentos e grandes restrições.
Diferentemente das dietas, que sempre têm um objetivo específico e data para acabar, com a reeducação alimentar qualquer pessoa consegue se manter no peso ideal por toda a vida. Sem contar que dessa forma melhoramos a nossa relação com o alimento e passamos até mesmo a descobrir o prazer de consumir os vários tipos de ingredientes.
Ficou animado para começar agora a sua reeducação alimentar? Então, confira 6 dicas altamente eficazes!

Como começar a reeducação alimentar?

1. Beba muita água

Com certeza, você sempre escuta essa dica por aí, mas pode ser que ainda não tenha levado muito a sério a importância de permanecer hidratado.
O corpo humano é constituído de 70% de água e é por meio dela que todos os nutrientes são transportados para a corrente sanguínea. A água também é fundamental para melhorar o funcionamento do intestino, dos órgãos do trato urinário e para manter a pele mais viçosa e jovem.
Uma dica para controlar o consumo de água é apostar nas garrafinhas. Crie uma meta e faça o possível para beber, por exemplo, 4 garrafinhas de 500 ml por dia (2 de manhã e 2 à tarde). Deixe a água na mesa de trabalho ou estudo e não se esqueça de levar a garrafinha com você quando estiver na rua.

2. Adote a regra da metade do prato

Se você está iniciando agora a reeducação alimentar, pode ser que ainda não tenha muita segurança para fazer as escolhas certas na hora de montar o prato. A dica de ouro aqui é sempre ocupar metade do prato com salada.
E os benefícios dessa prática não é apenas a redução de calorias. Consumindo uma grande quantidade de folhas, você aumenta consideravelmente a ingestão diária de fibras, o que é ótimo para o intestino e para gerar a sensação de saciedade.
Para não errar nas escolhas, você também pode optar por comprar refeições saudáveis em porções. Assim, você começa a sua reeducação alimentar com o pé direito e ainda ganha em praticidade.
Apenas tenha atenção para escolher uma marca de confiança e que trabalhe com ingredientes selecionados. Não é só porque um produto vem com o anúncio de “saudável” no rótulo que isso é verdade, certo?

3. Faça as escolhas certas

Nem sempre é fácil abrir mão do pãozinho francês pela manhã. Mas, quando se trata de reeducação alimentar, o mais importante é rever hábitos e incorporar à rotina os nutrientes certos.
Passe a incluir porções de frutas, cereais e iogurte natural em seu dia a dia. Uma boa pedida é começar o dia com uma tapioca ou panqueca de banana e um delicioso e refrescante suco natural.

4. Opte por produtos integrais

Para adicionar uma quantidade extra de fibra ao seu dia a dia, sempre dê preferência aos produtos integrais. E essa dica vale para pães, biscoitos, salgados e até arroz.
Além de contribuírem para o bom funcionamento do intestino e ajudarem na sensação de saciedade, os alimentos integrais têm o índice glicêmico mais baixo, o que é excelente para quem pratica esportes.

5. Aprenda a jejuar

Esse é um hábito que tem conquistado cada vez mais pessoas ao redor do mundo e são muitas as pesquisas que comprovam o seu benefício. Inclusive, alguns estudiosos sugerem que a prática do jejum é adotada há milênios por povos de todo o mundo e que resulta em resultados muito positivos em longo prazo.
As duas formas mais comuns de jejum adotadas no momento são a 5 por 2 (5 dias de alimentação comum e 2 dias de semijejum) e 16 por 18 (16 horas se alimentando de forma controlada e 18 horas em jejum total).
No entanto, para começar o jejum intermitente, é fundamental procurar a orientação de um especialista e fazer um check-up. Se feita de maneira inadequada, a prática pode oferecer sérios riscos à saúde.

6. Coma devagar

Provavelmente você já deve ter ouvido falar da importância de se mastigar lentamente. Afinal, a digestão se inicia na boca e apreciar com cuidado sabor dos alimentos auxilia na saciedade. Mas você já ouviu falar no slow food?
Esse movimento — cujo nome quer dizer “comer devagar” — é um contraponto ao fast food e parte do princípio de que a forma como comemos influencia em nosso estilo de vida e no mundo que nos rodeia. A ideia é comer com consciência, de maneira prazerosa e com qualidade, buscando procurar saber a origem dos alimentos e os possíveis impactos sociais e ambientais.
Como você viu, iniciar uma reeducação alimentar não é difícil. Tendo atenção às pequenas escolhas e mudando hábitos não tão saudáveis, em pouco tempo já é possível desfrutar de uma rotina muito mais leve e prazerosa.
Quer ficar por dentro de mais dicas como essas? Então, acompanhe a Liv Up nas redes sociais. Estamos no Facebook, no Instagram e no Twitter. Até a próxima!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up