O que pode substituir a farinha de trigo nas suas receitas?

substituir a farinha de trigo

Alimentação saudável é assunto para conversa, pesquisa e debate. Se você busca substituir a farinha de trigo, um ingrediente que bate ponto na cesta básica dos brasileiros e nas mais diferentes receitas, vale acompanhar nosso post. Até porque, você sabe como e por qual motivo substituir a farinha clássica.

Vale a pena substituir a farinha de trigo?

A farinha de trigo não faz mal caso você não tenha intolerâncias ou sinta desconforto com o consumo. Contudo, por ser um produto refinado, apresenta um perfil nutricional com grande déficit de vitaminas e minerais. Por isso, para agregar mais benefícios à saúde, em algumas receitas se faz interessante substituir a farinha de trigo.

Por fim, mesmo que o consumo pontual não faça mal a pessoas não intolerantes, para quem possui alguma questão de sensibilidade vinculada ao sistema digestivo, o consumo não é recomendado, tendo em vista a presença do glúten.

O glúten da farinha de trigo

Essa substância é uma proteína que, por sua vez, não tem boa digestão em alguns organismos. Existem três principais doenças causadas ou desencadeadas pelo trigo, sendo a celíaca, a alergia ou a intolerância. Na celíaca e na intolerância os sintomas são variados, sendo comum as queixas de dor de cabeça até diarreia, por exemplo). Já a alergia, pode provocar reações graves, exigindo um estado de vigilância do alérgico ao ambiente em que está exposto.

7 substituições para a farinha de trigo

Além de enriquecer em nutrientes a sua alimentação, a substituição por outras farinhas pode te ajudar a desenvolver suas habilidades culinárias, oferecendo novos sabores e variando sua experiência com os alimentos. Conheça algumas opções que pode incluir em sua rotina:

Biomassa de banana verde

Primeiramente, o purê da polpa da fruta é versátil e vai bem em brigadeiros e molhos, já que não tem sabor. Ajuda a controlar a glicemia e o colesterol. Além disso, melhora o funcionamento do intestino e atua no processo de emagrecimento. 

Farinha de amêndoa

Essa é, sem dúvida, uma das mais nutritivas: rica em fibra, vitamina E (que age contra os radicais livres) e B2, magnésio e fósforo. É uma aliada na prevenção de cânceres e diabetes. Uma dica: armazene-a com cuidado, deixando-a bem fechada para evitar que adquira sabor rançoso.

Farinha de aveia

Contém uma fibra solúvel que forma um gel no aparelho digestivo, aumentando a sensação de saciedade atua no equilíbrio do colesterol presente no sangue. Além disso, possui um ótimo custo benefício, já que é uma das farinhas mais baratas e altamente nutritiva. A farinha de aveia é ótima para substituir a farinha de trigo em bolos, panquecas, mingaus e biscoitos, por exemplo. 

Farinha de arroz

É uma das mais fáceis de encontrar e possui preço acessível. Assim, torna-se uma das opções de substituição da farinha branca mais consideradas pelos consumidores. É fonte de energia e fibras. Seja na versão branca ou integral, a farinha de arroz combate o envelhecimento precoce e dá a liga em receitas que precisam de consistência.

Farinha de chia

Da fruta exótica, surge uma farinha que combina com iogurtes, saladas e vitaminas. Além disso, substitui também o ovo por suas propriedades, como o ômega 3. De brinde, você contará com uma parceira para o bom funcionamento intestinal, a saúde do coração e o controle de peso.

Farinha de berinjela

Na farinha ocorre uma concentração das propriedades nutricionais do alimento, sendo rica em vitaminas e antioxidantes naturais, além de não possuir glúten e ter um teor calórico menor do que a farinha de trigo. Devido ao sabor leve, combina com diversas receitas, como pães, bolos e outras preparações. 

Farinha de grão de bico

É a melhor farinha para substituir a farinha de trigo sem exigir grandes preparos antes do uso. O pão, quando feito com o grão de bico, enriquece  o organismo com proteínas, fibras e vitamina B6. Esse nutriente melhora o humor, considerando que participa da via metabólica da síntese de serotonina, famoso neurotransmissor.

Farinha de linhaça

Rica em ômega 3 e ômega 6, fundamentais para a saúde humana. Porém, para aproveitar essa propriedade da linhaça, é importante a trituração da semana para formar a farinha e faça o consumo em até 3 dias para que o ômega não seja oxidado.

Uma das suas principais características é o aumento da saciedade. Para as mulheres, os fitosteróis da linhaça ajudam a regular a TPM e a menopausa. Combina com a preparação de bolos, tortas, vitaminas e frutas.

Algumas das farinhas citadas possuem um custo mais elevado, como é o caso da farinha de amêndoas. Se isso for uma questão para você, busque comprar farinhas com valores mais acessíveis, como é o caso da farinha de aveia e grão de bico. Ainda, algumas podem ser facilmente preparadas em casa, como é o caso da farinha de berinjela e linhaça. 


Denise Cardoso

Nutricionista formada pelo Centro Universitário São Camilo e Pós-graduada em Nutrição Vegetariana. Atualmente, em curso profissionalizante de Natural Chef.

Você vai gostar de ver…

fome emocional

Fome emocional: como mudar sua relação com a comida?

Sabe aquela história de comer por ansiedade ou descontar um dia estressante num docinho? Então, ela tem nome. A fome emocional, muitas vezes desencadeada por sentimentos, pode impactar nossos hábitos

receitas do tik tok viral

Viralizou: 10 receitas do Tik Tok pra testar em casa

No universo culinário das receitas do Tik Tok, a criatividade e a simplicidade andam de mãos dadas. Não é de hoje que nas redes sociais, especialmente no TikTok, chefs amadores

como tomar suplementos

Guia dos Suplementos: do whey a creatina e BCAA

No universo da busca por uma vida saudável e equilibrada, o uso de suplementos existe como um aliado valioso, abrindo as portas para melhores resultados e um cuidado mais aprofundado

Permissão de cookies

Coletamos informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para melhorar o funcionamento das páginas, mensurar a audiência e oferecer uma melhor experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies.