8 frutas e plantas calmantes para você experimentar

frutas e plantas calmantes

Que a nossa vida anda muito agitada atualmente, todo mundo já sabe. Reuniões, trânsito, estresse no trabalho, tarefas de casa, estudos, cuidados com os filhos… O acúmulo de responsabilidades é o principal motivo de muito estresse e cansaço no final do dia. Para conseguir aguentar tudo isso, ter uma alimentação correta e estilo de vida saudável são mais que fundamentais.

Se você está irritado, cansado e quer fugir dos remédios e calmantes químicos, existe uma solução mais saudável. Confira 8 frutas e plantas calmantes para inserir na sua alimentação e deixar o seu dia um pouco mais tranquilo. 

Afinal, quais são as frutas e plantas calmantes?

Maracujá

O maracujá é conhecido como uma fruta calmante, porém essa propriedade está em sua flor, a Passiflora, e não em sua polpa. Além do efeito anti-estresse, a Passiflora também é uma poderosa aliada contra sintomas de ansiedade, depressão e até TPM.

Isso acontece graças à presença de alcaloides e flavonoides em sua composição. Essas substâncias, aliás, agem como tranquilizantes naturais no sistema nervoso central, atuando como analgésico e relaxante muscular.

A Passiflora pode ser consumida na forma de chá. Principalmente pelos altos níveis de substâncias calmantes presentes.

Banana

Muito consumida pelos brasileiros, a banana é rica em tripofano. Esse componente ajuda na produção de serotonina – hormônio responsável pelo bem-estar e qualidade do sono.

A vitamina B6, o magnésio e o potássio, componentes que também estão presentes, ajudam no relaxamento muscular e fornecem energia para o nosso corpo. Além disso são ideais para recuperar as forças depois de um dia difícil ou de um treino na academia. 

Abacate

Rico em magnésio, o abacate também contém uma substância chamada beta-sitosterol. Ela atua na regulação do cortisol, o famoso hormônio do estresse.

Kiwi

O kiwi é uma fruta cítrica rica em vitamina C, ácido fólico e potássio. Todas essa substâncias atuam contra o cansaço e estresse, e inclusive, ajudam a diminuir a irritabilidade. 

Além disso, o kiwi é bem pouco calórico. Ou seja, pode ser inserido na alimentação sem grandes problemas, e ainda conta com propriedades digestivas e anti-inflamatórias. 

Camomila

Assim como o Maracujá, a Camomila também merece a sua antiga reputação como planta calmante. A flor da camomila possui substâncias como lactonas e alfa-bisabolol, que auxiliam na indução do sono e no relaxamento muscular.

O chá de camomila também ajuda na digestão, assim como no alívio de dores menstruais e enxaquecas. 

Capim-Limão

Conhecido também como Capim-Santo, Capim Cidreira e Erva-Príncipe, o capim-limão é rico em vitaminas do complexo B, vitamina A, magnésio e zinco. O eugenol e o citral, substâncias analgésicas presentes no chá, ajudam a aliviar dores de cabeça e cólicas menstruais. Além disso, atuam na produção e manutenção da serotonina.

Alecrim

O alecrim é uma planta calmante que pode ser consumida tanto em chá quanto no formato de tempero. Algumas substâncias presentes, como o carnosol, fazem com que o Alecrim seja um ótimo antioxidante e relaxante muscular.

O chá de alecrim também tem efeito diurético. Assim, ajuda na circulação e no inchaço causado pela retenção de líquido, problema muito comum entre as mulheres. 

Hortelã

O chá de hortelã é um poderoso aliado contra o cansaço, isso porque é rico em vitamina C, Ferro e Cálcio. O mentol, responsável pelo cheiro característico da planta, auxilia na recuperação muscular e atua como anestésico natural. Portanto, é indicado também para dores menstruais. A vitamina A em sua composição ajuda na indução e manutenção do sono.

Por fim, a hortelã também apresenta propriedades digestivas, sendo uma ótima opção de chá após as refeições.

Apesar de naturais e saudáveis, o consumo exagerado de frutas e plantas calmantes pode trazer efeitos nocivos para o corpo. Por exemplo, desencadear reações alérgicas ou intoxicações. Se o cansaço, estresse e irritabilidade forem crônicos e estiverem atrapalhando a sua rotina, não deixe de procurar ajuda médica.e

Gostou dessa lista com frutas e plantas calmantes? Então confira mais algumas dicas para acalmar a mente e deixar o seu dia menos estressante!

Você vai gostar de ver…

dormir depois do almoço

Dormir depois do almoço: entenda os impactos na sua saúde

Muita gente é fã de dormir depois do almoço, mas o fato que a famosa “siesta” levanta dúvidas. Afinal, o cochilo depois do almoço faz bem ou é apenas um

desidratação no calor

Desidratação: quais sintomas e como evitar esse problema

Verão, calor, dias bem quentes e…desidratação. A palavra pode parecer extrema, mas o fato é que, muitas vezes, o corpo perde mais líquido do que se consegue repor e com

melatonina

Melatonina e sono: benefícios e como tomar

Num mundo agitado, o sono se torna cada vez mais alvo de atenção. Apesar de repouso e descanso serem termos associados, o sono vai além – tendo um papel essencial

Permissão de cookies

Coletamos informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para melhorar o funcionamento das páginas, mensurar a audiência e oferecer uma melhor experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies.