Mudando o mundo

Agricultura Familiar: Um dos pilares da Liv Up em busca de uma alimentação saudável

dezembro 20, 2018

Paralelo ao movimento de conscientização em prol de uma alimentação saudável, prática de exercícios físicosrotina mais equilibrada, veio o consumo e plantação dos alimentos orgânicos. O projeto/parceria com a agricultura familiar, que nós da Liv Up fizemos, mostra a importância do cultivo dos orgânicos e a história de alguns destes produtores.

Antes de entendermos um pouco mais da parceria, precisamos falar mais sobre os próprios alimentos orgânicos.

Você sabe o que é um produto orgânico?

Orgânico

Sendo bastante objetivo, um produto orgânico é o alimento produzido livre de agrotóxicos, fertilizantes sintéticos, antibióticos ou hormônios em qualquer fase do seu cultivo.

Por estas características, o orgânico gera muita vantagem quando consumido (por ser mais saudável!!), e quando produzido (para o meio-ambiente!!).

Quando produzido, os alimentos orgânicos precisam de muita atenção e muito carinho desde o plantio até a sua conservação.

Projeto: agricultura familiar

Como surgiu

O início da parceria com produtores rurais surgiu com o início da Liv Up, quando o Henrique, um dos sócios, foi conversar com o Jefferson, nosso parceiro mais antigo, demonstrando interesse em comprar legumes, frutas e verduras diretamente dele.

À medida que a empresa cresceu, o volume passou a ser significativo e a parceria começou a ganhar forma com outros fornecedores.

Em dezembro de 2017, ela passou a ser nos moldes que é hoje, com um time dedicado responsável pela gestão dos fornecedores e acompanhamento de plantio.

Objetivo

O objetivo da Liv Up é tanto garantir o fornecimento de alimentos orgânicos para mais pessoas quanto ajudar no desenvolvimento da agricultura orgânica no Brasil.

O contato direto permite diminuir a distância entre as pontas da cadeia, diminuindo custos e mostrando que uma alimentação orgânica não é necessariamente mais cara.

Além disso, mostramos para nossos clientes quem são os responsáveis por transformar sementes em ingredientes frescos e nutritivos.

Com esse projeto, a Liv Up produz alimentos de maior qualidade, garantindo ainda a rastreabilidade e a origem dos ingredientes.

Assim, nossos clientes recebem um produto de melhor qualidade.

A Liv Up cresce ao desenvolver e capacitar os produtores, à medida que estes garantem o fornecimento de forma mais assertiva para nós.

Dificuldades

A maior dificuldade do projeto está relacionada às diferentes variáveis que tornam a produção orgânica bastante complexa.

Por serem uma agricultura familiar, o planejamento e a previsão de produção é muitas vezes deficiente, tornando o gerenciamento de muitos produtores difícil.

Além de imprevistos relacionados ao clima, as pesquisas na área são em maioria voltadas à produção convencional.

Dessa forma, muitos produtores não tem conhecimento técnico para todas as culturas e não há incentivos fiscais e financeiros a produção orgânica.

Aos poucos, vamos criando um ecossistema entre os produtores, para que se profissionalizem e superem essas dificuldades.

 

Nossa ideia é desenvolver mais produtores para englobar cada vez mais ingredientes nesse formato de fornecimento.

Bom, agora que você já sabe como tudo começou, vamos conhecer um pouco mais sobre as famílias e histórias destes produtores?

Michele

Abrindo a parceria da agricultura familiar com a Liv Up, você vai poder conhecer mais sobre a Michele, uma produtora de hortaliças orgânicas.

Com 40 anos e produtora no Sítio Irmãos Pereira, em Piedade, no Bairro Ribeirão Grande, Michele produz bastante salsinha.

Futuramente, seu objetivo é cultivar cebola e abobrinha.

Já viu nossas opções de pratos que contêm abobrinha? Veja alguns exemplos:

Apaixonada pela produção no campo, Michele conta que erros e acertos acontecem diariamente no seu trabalho. Segunda ela, o importante é seguir trabalhando e acreditando que dará certo.

A mudança do convencional para o cultivo orgânico (a produtora ficou quase 10 anos usando agrotóxicos), foi para fazer o melhor.

Para ela, muitos dos produtores não sabem o mal que estão fazendo para os outros colocando agrotóxico na produção.

Michele trabalha com o marido na produção e também cuida dos filhos.

Faça chuva ou sol, eles levantam cedo para iniciar o trabalho.

Masamitso

Nasceu em Kagoshima, no Japão, e mora em Piedade desde os 8 anos.

Masamitso começou a trabalhar com plantação orgânica desde 2000, porque seu filho disse que queria cultivar orgânico.

Para ele, foi uma mudança do dia para noite.

No fim, acabou sendo muito positivo, porque quem consome alimentos sem agrotóxicos tem mais saúde e não agride o meio-ambiente.

No cultivo de Masamitso, o forte é a plantação de morango e cebola, mas o que ele mais gosta de plantar é cenoura, porque foi a primeira planta que ele aprendeu a cultivar.

No site da Liv Up, você encontra diversas opções de pratos com cenoura, como por exemplo:

Para Masamitso, a parceria com a Liv Up traz muitos benefícios na parte de produção e vendas. Uma vez que, para os produtores rurais, controlar aquilo que irá vender ajuda para ter mais lucro.

Segundo ele, sua rotina de trabalho, assim como a de Michele, é puxada. Enquanto tiver serviço, ele está lá.

Jefferson

Com uma família repleta de agricultores, Jefferson cultiva no sítio em Alvorada, localizado no município Porto Feliz.

Experimentando plantar apenas orgânico, o agricultor percebeu que ele possuía mais qualidade, sabor e produção, comparado ao convencional.

Como já citamos lá em cima, o principal benefício dos orgânicos é para saúde.

No sítio, Jefferson tem em média 80 culturas no solo, entre as olerícolas, que são as foliosas e leguminosas, e as frutíferas.

Também cultiva plantas alimentícias não-convencionais, que são pouco conhecidas pelo consumidor, como é o caso do caruru e taioba.

Veja como foi a entrevista completa de Jefferson:

José Roberto

Seguindo nossa parceria de agricultura familiar, conhecemos José Roberto.

Com 45 anos, José mora no sítio Boa Esperança, em Piedade, desde quando nasceu.

Começou a trabalhar na roça em 1993 e desde esta época vinha sendo produtor convencional, sem a certificação orgânica.

No entanto, tudo mudou. Há três anos, José vem cultivando apenas material orgânico.

A mudança foi tão positiva, que hoje, o agricultor rural sonha em ver todos os seus amigos na mesma condição, produzindo algo natural e entregando um produto para o consumidor, sabendo que ele não vai prejudicar a saúde quando for consumido.

Lembra que falamos que produzir orgânicos necessita de muita atenção e aprendizado? José confirmou esta teoria.

Segundo ele, muitos empregados deixaram de trabalhar com ele por não ter conhecimento deste novo modelo de agricultura.

Atualmente, José planta de tudo: abobrinha, salsa, manjericão, hortelã, chuchu e cebola.

Caro leitor, já viu nossos pratos com salsa ou manjericão? (É de dar água na boca!!)

Futuramente, José ainda pretende plantar: batata-doce, cenoura e alguns produtos extras que podem vir ajudar.

Veja o vídeo completo com José Roberto:

Thiago

A agricultura familiar é muito comum. E não foi diferente com Thiago.

Com 24 anos e agricultor no sítio Oliveira Orgânicos, no Município de Iperó, ele e sua família cultivam produtos orgânicos há 4 anos e meio, aproximadamente.

Seu pai, mãe, irmão, dois tios, uma tia e até mesmo seus avós ajudam nas colheitas. Uma verdadeira agricultura familiar.

Segundo Thiago, não foi das tarefas mais simples mudar o modelo de agricultura. Assim como a maioria, seus pais começaram da forma original, plantando mandioca.

Quando ele se juntou aos pais, surgiu a ideia de tentar algo novo. Uma mudança complicada, principalmente para convencer seus pais de que o orgânico era o modelo certo.

Após erros e tentativos, o resultado final provou isto.

Para o produtor,  o povo brasileiro é envenenado na hora de comer e está sujeito a doenças como o câncer, por exemplo. Então, por que não ter mais saúde e começar com produtos orgânicos, não é mesmo?

A Liv Up acompanha o passo a passo de Thiago, fator que segundo ele, gera vantagem para os dois lados.

Atualmente, ele e sua família plantam feijão, cebola e berinjela. Aos poucos, estão começando a agricultura com cenoura e beterraba.

Receitas com feijão? A Liv Up também tem. Olha só alguns exemplos:

E a tendência é aprender e cultivar cada vez mais, pois Thiago acredito que o orgânico está crescendo de uma forma muito grande.

Quer saber mais sobre a história de Thiago e sua família?

 

Estas foram algumas das histórias de produtores rurais que substituíram o modelo convencional pelo orgânico e atualmente, fazem parceria com nós da Liv Up.

Quer acompanhar nossas novidades em primeira mão?

Então siga os perfis da Liv Up no FacebookTwitter e Instagram!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up