Como aliviar dor de academia? Veja essa e outras dúvidas

dicas de como aliviar dor de academia

Treinar perna num dia e não conseguir descer as escadas no outro… você já passou por isso? Após um treino intenso, é comum sentir uma dor conhecida como dor muscular de início tardio (DMIT). Embora ela possa ser um sinal de que os músculos estão se adaptando e ficando mais fortes, também pode ser bem desconfortável. Felizmente, existem várias estratégias eficazes de como aliviar a dor de academia e acelerar a recuperação.

Uma das melhores maneiras de trazer alívio é por meio de técnicas de recuperação ativa, como alongamento, massagem, compressão e uso de rolo de espuma. Eles ajudam a aumentar a circulação sanguínea, reduzir a inflamação e liberar a tensão nos músculos. Além disso, a aplicação de gelo e calor alternadamente pode dar uma ajudinha extra.

Além das técnicas físicas, a nutrição desempenha um papel crucial na recuperação muscular. Consumir uma dieta rica em proteínas e nutrientes anti-inflamatórios pode ajudar e muito! Combinando diferentes estratégias, você pode aliviar a dor de academia e voltar aos treinos mais rapidamente, garantindo um progresso contínuo.

A seguir, te explicamos mais sobre o tema:

Como aliviar dor de academia?

como aliviar dor de academia treino

Bom, como você viu, existem diversos pontos que podem ajudar a se recuperar daquela dor pós-treino indesejada ou ao menos diminuí-la. A seguir, listamos alguns fatores simples que podem ajudar no pós-treino: 

Alongamento

Realize alongamentos suaves para ajudar a relaxar os músculos e reduzir a tensão. Além disso, esses exercícios costumam melhorar a mobilidade e prevenir que você se machuque ao executar seu treino. 

Massagem

Use técnicas de automassagem ou visite um profissional para soltar nós musculares e melhorar a circulação. É importante ter cuidado para não piorar a situação;

Compressão

Vista roupas de compressão para promover a circulação sanguínea e reduzir a inflamação;

Rolo de espuma

Utilize um rolo de espuma para liberar pontos de tensão e melhorar a flexibilidade muscular. Geralmente, as academias já contam com esse recurso ou você pode ter um em casa para usar sempre que sentir necessidade;

Aplicação de gelo e calor

Aplicar gelo nas áreas doloridas pode ajudar a reduzir a inflamação, seguido por calor para relaxar os músculos e melhorar a circulação;

Hidratação e nutrição

Mantenha-se hidratado e consuma alimentos ricos em proteínas e nutrientes anti-inflamatórios para promover a recuperação muscular. Quanto melhor a alimentação, melhor sua recuperação;

Descanso adequado

Permita que seu corpo descanse e se recupere adequadamente da dor de treino, incluindo uma boa noite de sono. Forçar demais seu corpo pode ter um efeito contrário ao esperado. Além de atrapalhar o ganho de massa, isso ainda pode causar lesões, que vão fazer com que você precise ficar afastado dos treinos. 

Não tem mistério: ao incorporar essas estratégias em sua rotina, você pode aliviar a dor de academia e acelerar a recuperação muscular, permitindo que você volte aos treinos com mais conforto e disposição.

Por que sinto dor depois da academia?

como aliviar dor de academia musculação

O corpo dolorido da academia ou  exercício, conhecido também como dor muscular de início tardio (DMIT), é comum e geralmente ocorre devido a microlesões nos músculos e ao acúmulo de ácido láctico durante o exercício intenso

Quando você se exercita, especialmente ao realizar atividades que seus músculos não estão acostumados, como exercícios de resistência ou musculação, pequenas fibras musculares podem ser danificadas. Isso desencadeia uma resposta inflamatória no corpo, resultando na sensação de dor e rigidez muscular nas 24 a 48 horas após o exercício.

Além disso, durante o exercício, o corpo produz ácido lático como subproduto do metabolismo anaeróbico. O acúmulo de ácido láctico nos músculos pode levar à sensação de fadiga e dor durante e após o exercício.

É importante ressaltar que a DMIT é uma parte natural do processo de adaptação muscular e é um sinal de que seus músculos estão se recuperando e se fortalecendo. Daí o famoso ditado, “no pain, no gain”. Com o tempo, à medida que seus músculos se adaptam ao exercício, a intensidade e a duração da dor pós-exercício podem diminuir.

Quanto tempo dura a dor da academia?

A dor muscular pós-treino pode variar de pessoa para pessoa e depende de vários fatores, incluindo o tipo e a intensidade do exercício, o nível de condicionamento físico e a resposta individual do corpo à atividade física. 

Geralmente a dor muscular de início tardio começa a aparecer de 12 a 24 horas após o exercício e atinge seu pico de intensidade entre 24 e 72 horas após o treino. Após esse período, ela tende a diminuir gradualmente ao longo dos próximos dias.

Em alguns casos, a dor muscular pode persistir por até uma semana, especialmente se o exercício foi particularmente intenso ou se você é novo em um determinado tipo de treino, sabia? 

Agora toda a atenção: se a dor persistir por mais de uma semana ou se for acompanhada por sintomas graves, como inchaço, vermelhidão ou fraqueza muscular intensa, é importante consultar um profissional de saúde para avaliação. Você pode ter se machucado. 

Pode treinar com o músculo dolorido?

como aliviar dor de academia primeira semana

Treinar com músculos doloridos é possível, mas é importante agir com moderação e considerar algumas precauções. Listamos a seguir algumas orientações a serem seguidas:

  • Escute seu corpo: se a dor for leve e não interferir significativamente com seus movimentos ou qualidade de vida, pode ser seguro continuar treinando. No entanto, se a dor for intensa ou se sentir que está comprometendo sua capacidade de se exercitar com segurança, é melhor descansar e permitir que seus músculos se recuperem;
  • Reduza a intensidade: se você optar por treinar com músculos doloridos, considere reduzir a intensidade e o volume do treino. Isso pode significar diminuir o peso, fazer menos repetições ou optar por exercícios de baixo impacto;
  • Aquecimento adequado: certifique-se de realizar um bom aquecimento antes do treino, incluindo alongamentos dinâmicos e os movimentos de mobilidade. Isso pode ajudar a aumentar a circulação sanguínea e reduzir a rigidez muscular;
  • Foque em grupos musculares diferentes: se um grupo muscular estiver muito dolorido, considere treinar outros grupos musculares que não estejam tão afetados. Isso permite que os músculos doloridos tenham tempo para se recuperar enquanto você continua treinando outras partes do corpo;
  • Hidratação e nutrição adequadas: é se manter hidratado e consumir uma dieta equilibrada, rica em nutrientes, como as receitas da Liv Up, para apoiar a recuperação muscular.

Lembre-se de que a dor muscular após o exercício é normal e faz parte do processo de adaptação muscular. No entanto, é importante aprender a distinguir entre dor muscular comum e dor que pode indicar lesão. 

Tem como aliviar dor de academia com relaxante muscular?

“Malhei perna e não consigo andar. Será que devo tomar remédio?”. Sim, em alguns casos, o uso de relaxantes musculares pode ajudar a aliviar a dor muscular após o exercício intenso. 

Em suma, os relaxantes musculares são medicamentos que atuam no sistema nervoso central para reduzir a tensão muscular e promover o relaxamento. Eles podem ser prescritos por um médico para tratar condições como espasmos musculares, lesões musculoesqueléticas ou dor crônica.

Porém, sem exageros: é importante ter cautela ao usar remédio para aliviar a dor de academia, pois eles podem ter efeitos colaterais. Além disso, o uso de medicamentos para mascarar a dor muscular pode impedir que você reconheça os sinais de alerta do seu corpo e possa levar a lesões adicionais se você continuar se exercitando mesmo assim.

Por isso, é recomendável tentar primeiro os métodos de alívio da dor mais conservadores, como alongamento, massagem, aplicação de gelo e calor, antes de recorrer ao uso de relaxantes musculares. Se a dor muscular persistir ou for grave, já sabe: é hora de procurar o médico.

Você vai gostar de ver…

albumina

Albumina é melhor que whey? Diferenças e quando tomar

No mundo do fitness e da suplementação, a escolha entre albumina e whey protein é uma dúvida comum. Ambas são fontes populares de proteína úteis para atletas e entusiastas do

ciclo menstrual e musculação

Ciclo menstrual e musculação: como afeta seus treinos?

Já parou para pensar que ciclo menstrual e musculação estão relacionados? Pois é, existe um vínculo importante entre a fisiologia feminina e o treinamento físico. É exatamente por isso que

musculação benefícios

Musculação: saiba o que é e como usar a seu favor

Seja para quem quer construir um corpo forte, garantir mais longevidade, mandar o sedentarismo para longe, ou cuidar da saúde física e mental, a musculação tem se destacado como uma

Permissão de cookies

Coletamos informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para melhorar o funcionamento das páginas, mensurar a audiência e oferecer uma melhor experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies.