Falso saudável: como identificar alimentos que enganam?

barrinha de cereal falso saudável

Fazer substituições inteligentes na alimentação é uma forma de ter uma rotina mais saudável e equilibrada sem muita neura, não é? O problema é quando a indústria alimentícia se aproveita da preocupação legítima com qualidade nutricional para alavancar a venda de produtos que, na prática, se enquadram na categoria do “falso saudável”. 

Isso porque existem muitas armadilhas nas propagandas e muitas vezes até mesmo no rótulo dos alimentos. Um suco de caixinha, por exemplo, pode ter ainda mais açúcar que um refrigerante. O chocolate “diet” pode esconder vários ingredientes prejudiciais e as barrinhas de cereais nem sempre são fit. 

Esse é o caso de muitos alimentos que parecem bons, se vendem como saudáveis, mas contêm em sua composição aditivos, conservantes e outras substâncias em excesso – não sendo tão bacanas como se pensa. Para te ajudar a entender melhor como não cair nessas ciladas, convidamos a nutricionista do time de desenvolvimento da Liv Up, Bruna Quaglio, para explicar melhor esse conceito e apresentar os itens que podem passar longe da sua lista de compras. 

O que é um falso saudável?

Basicamente, são aqueles alimentos como apelo de saudabilidade, mas com uma composição não tão bacana assim. Ou ainda, produtos vendidos para alguma dieta específica, mas que têm uma tabela nutricional ruim. “São exemplos os alimentos diet, sem açúcar, low carb – que podem ou não ser saudáveis. Alguns deles têm ingredientes com composições duvidosas ou são altíssimos em gorduras, por exemplo.”, explica a nutricionista. 

12 alimentos que parecem saudáveis, mas não são

A seguir, listamos os principais produtos que se encaixam na categoria de “falso saudável” para você riscar da sua lista de supermercado. Bora lá? 

Suco de caixinha

sucos falso saudável

Pode parecer uma boa ideia, mas consumir esse tipo de bebida é uma furada. Isso porque os sucos de caixinha industrializados levam grandes quantidades de açúcar e conservantes. Além disso, as vitaminas das frutas geralmente são perdidas no processo de industrialização.  A melhor opção mesmo são os sucos naturais e integrais. 

Chás em latas 

Muitos chás possuem quase tanto açúcar, adoçante e conservante quanto os refrigerantes tradicionais. Ou seja, passam longe de ser uma opção aconselhável para o dia a dia. Se bater a vontade de um chá gelado, a alternativa mais bacana é fazer o preparo em casa e maneirar ao adoçá-lo. 

Refrigerante zero 

É sempre importante lembrar que poucas calorias não são sinônimo de saúde, viu? Apesar de não aumentarem o valor energético da sua refeição, eles contêm diversos produtos químicos nocivos para saúde – como acidulantes, corantes, conservantes, adoçantes e sódio. 

Barrinha de cereal 

Para muita gente, carregar essas barrinhas na bolsa é sinônimo de contar com uma opção mais leve para quando a fome bater. Infelizmente, estamos falando de um daqueles produtos fit que enganam. Apesar de existirem sim diversas opções bem nutritivas, nem toda barrinha é exatamente saudável. Por isso, fique atento ao rótulo, às quantidades de açúcar, gordura, sódio e conservantes. 

+ Leia sobre os mitos e verdades da barrinha de cereal

Cereais matinais

Todo mundo tá cansado de saber da importância do café da manhã na alimentação saudável e os cereais matinais são um dos destaques nessa refeição. O problema é que as opções mais populares do mercado também passam longe de ser recomendadas do ponto de vista nutricional. 

Sopas em pó 

sopa falso saudável

Sopinhas e cremes são ótimas alternativas para um jantar leve e bem aconchegante. O grande problema são as versões ultraprocessadas, que apelam para a “baixa quantidade de calorias”, sem destacar o que mais importa: elas têm praticamente zero valor nutricional, além de conter conservantes e sódio em quantidades preocupantes. A nossa sugestão é contar com sopas saudáveis congeladas e aquecer quando bater a fome.

Chocolate diet 

Os produtos diet geralmente são recomendados para pessoas com diabetes, pois são reduzidos em açúcar. Só que o que muita gente não sabe é que diet não significa mais saudável. Na prática, eles podem ser mais calóricos e ainda substituir o açúcar por gorduras ruins. Chocolates com maior teor de cacau, acima de 70%, são as melhores opções do ponto de vista nutricional e ainda garantem diversos benefícios pra saúde, acredita?  

+ Conheça os benefícios do chocolate amargo

Peito de peru 

Apesar de ser uma proteína magra, o peito de peru é um alimento embutido e, por isso, costuma conter altos níveis de sódio. Além disso, esses produtos podem ter nitritos e nitratos – substâncias químicas cancerígenas. O ideal é consumir o mínimo possível desse tipo de alimento e apostar em alternativas igualmente saborosas, como as receitas de patê.

Shakes para substituir refeições

Já ouviu falar na ideia de tomar um shake no lugar de uma refeição como uma boa opção para o emagrecimento? Além de nem sempre essas bebidas terem um valor nutricional adequado, por serem líquidos, proporcionam menos saciedade. Quem busca uma perda de peso saudável consegue ter ótimos resultados sem passar perrengue, viu? Basta apostar num déficit calórico orientado por um nutricionista, com uma dieta equilibrada e variada. 

Molhos pra salada

Molhos ultraprocessados podem comprometer a qualidade do seu prato, já imaginou? Diversos deles são super calóricos, sem mencionar a quantidade de aditivos químicos e de sal. Na hora de dar um tchan para os seus pratos, é melhor investir em preparos caseiros. E a gente te dá uma mãozinha: aqui tem 10 molhos deliciosos para transformar suas saladas

Massa sem glúten 

Há quem morra de medo de consumir glúten, mas, a não ser no caso de alergias e intolerâncias, não existe motivo nenhum para fugir dele. Aliás, alguns produtos vendidos como substitutos são feitos com mais gordura, açúcares e aditivos para incrementar o sabor. 

Gelatina 

Sobremesa leve e que ainda carrega a promessa de conter colágeno. Parece saudável, mas não é!  Grande parte das opções vendidas conta com mais de 50% de açúcar na sua composição e também está cheinha de produtos químicos, como corantes e sabores artificiais. 

+ Existe gelatina saudável? Nutri responde!

Como identificar um falso saudável?

falso saudável mercado rótulo de alimentos

Segundo a nutricionista Bruna Quaglio, o melhor jeito de não ser enganado por esse tipo de produto é lendo a tabela nutricional dos alimentos. Além de prestar atenção aos valores e porcentagem diária dos nutrientes da tabela, também é importante ver a lista completa dos ingredientes. “Faz sentido o alimento ser sem açúcar, mas ser lotado de adoçantes artificiais e gorduras hidrogenadas? Com certeza não.”, reforça Bruna. 

Aliás, é justamente pra te ajudar a identificar com mais facilidade a qualidade dos produtos, que entrou em vigor a nova rotulagem nutricional, já está por dentro da mudança? 

Ah, e aqui na Liv Up, você pode ficar tranquilo, é tudo feito com comida de verdade! Nossas receitas levam ingredientes naturais, majoritariamente orgânicos, produzidos pelos nossos agricultores parceiros. O resultado é que chegam na sua casa delícias feitas com alimentos fresquinhos e escolhidos a dedo.

Você vai gostar de ver…

fome emocional

Fome emocional: como mudar sua relação com a comida?

Sabe aquela história de comer por ansiedade ou descontar um dia estressante num docinho? Então, ela tem nome. A fome emocional, muitas vezes desencadeada por sentimentos, pode impactar nossos hábitos

receitas do tik tok viral

Viralizou: 10 receitas do Tik Tok pra testar em casa

No universo culinário das receitas do Tik Tok, a criatividade e a simplicidade andam de mãos dadas. Não é de hoje que nas redes sociais, especialmente no TikTok, chefs amadores

como tomar suplementos

Guia dos Suplementos: do whey a creatina e BCAA

No universo da busca por uma vida saudável e equilibrada, o uso de suplementos existe como um aliado valioso, abrindo as portas para melhores resultados e um cuidado mais aprofundado

Permissão de cookies

Coletamos informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para melhorar o funcionamento das páginas, mensurar a audiência e oferecer uma melhor experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies.