Pupunha: conheça as muitas variedades desse ingrediente

pupunha

O palmito é um alimento que está muito presente na culinária brasileira. Devido ao seu alto teor de nutrientes e poucas calorias, é uma opção interessante, principalmente, para quem está em busca de uma alimentação mais saudável. Versátil e saboroso: ele combina com vários pratos e um dos seus tipos mais consumidos é a pupunha. 

Se compararmos com as outras variedades de palmitos — açaí e juçara — a pupunha é a opção mais ecologicamente sustentável, pois não contribui para a exploração das espécies nativas das palmeiras. Ou seja, incluí-la na sua alimentação fará muito bem à sua saúde e não prejudicará o meio ambiente. Dois ótimos motivos para começar a consumi-la, não é mesmo?

O que é a pupunha?

O palmito vem do coração da palmeira. A pupunha é a variedade com uma textura mais macia, menos fibrosa e mais saborosa. Ela é nativa da região amazônica e tem sido uma alternativa para o cultivo sustentável da palmeira. Ao contrário da juçara e do açaí, ela não morre quando é extraído o palmito, assim, possibilita o plantio e o replantio em um curto período de tempo.

Quais os benefícios da pupunha?

Além de conter pouquíssimas calorias – 100 gramas não chegam nem a 30 calorias – o palmito dessa variedade é uma ótima opção para incluir nas refeições do seu dia a dia. 

  • Primeiramente, é uma fonte rica de potássio: ajuda a regular o metabolismo e combate os sintomas do stress e da ansiedade.
  • Fortalece o sistema imunológico: rica em vitamina C, previne o nosso corpo de enfermidades como gripes e resfriados.
  • Alto teor de fibras: ajuda a controlar os níveis de açúcar no sangue, reduz o colesterol ruim, previne o desenvolvimento de doenças cardiovasculares e diabetes e melhora o transito intestinal. Além disso, as fibras aumentam a saciedade, sendo grande aliadas na perda e na manutenção de peso.
  • Auxilia no desenvolvimento de músculos: para os praticantes de atividades físicas, principalmente com foco em ganho muscular, a pupunha é uma boa fonte de zinco, substância essencial para nutrir os músculos. 

Como escolher a melhor pupunha?

A melhor forma de consumir o palmito é in natura (sendo aquele que vem diretamente do campo), pois os seus nutrientes são conservados. Ele possui uma crispidez, cor e aparência atrativa. Ao comprar em conserva, a quantidade de sódio é muito alta e o alimento deixa de ter os seus principais benefícios. 

Observe se há manchas pretas na casca, pois podem ser fungos. Ao comprar, tire as cascas grossas, até chegar ao miolo. Pique em pedaços menores e ferva somente com água – a pupunha leva em torno de 10 minutos para cozinhar. Depois desse procedimento, está pronta para ser utilizada.

Diferentes formas de consumir

Com toda a sua versatilidade, o palmito pupunha pode ser consumido de várias formas na culinária brasileira. Desde em um prato mais sofisticado, como sendo acompanhamentos de carnes, em saladas e refeições para o dia a dia. Sem nos esquecermos dos clássicos recheios de empadas, tortas, pasteis e salgados.

Aqui na Liv Up, temos três pratos deliciosos que levam essa iguaria como o ingrediente principal:

  • Pupunha assada com tomilho: a versão mais autêntica do palmito com a essência natural do tomilho fazem uma combinação perfeita. O sabor é cheio de personalidade e suave ao mesmo tempo. O prato conta com apenas 56 calorias.
  • Arroz de pupunha com legumes: a pupunha é uma ótima opção para substituir o arroz branco nas suas refeições. Além da pupunha cortada em pequenos grãos de arroz, a nossa receita leva abóbora menina brasileira, tomate e uma combinação de ervas frescas.
  • Espaguete de pupunha: é muito comum vermos a pupunha substituindo a massa, tornando os pratos clássicos mais saudáveis e menos calóricos. Você pode consumir o nosso espaguete puro ou combinar com um dos nossos molhos.

Agora que você conhece mais sobre a pupunha, seus benefícios para a saúde e as formas deliciosas de consumi-la, será impossível não incluí-la na sua rotina, né? 

Você vai gostar de ver…

déficit calórico dos alimentos

Déficit calórico: como funciona a fórmula das calorias

Quem quer emagrecer certamente já esbarrou por aí no conceito de déficit calórico, até porque é impossível perder peso sem ele. Entender essa relação entre as calorias ingeridas e as

refeição cardápio para o dia a dia

Cardápio para o dia a dia: 20 receitas pra experimentar

Quando o assunto é alimentação saudável, um dos grandes desafios é elaborar um cardápio para o dia a dia que reúna refeições práticas, mas também saborosas. Afinal de contas, a

iogurte saudável com frutas

Iogurte saudável: como escolher o melhor

Saboroso, versátil e bem equilibrado, o iogurte saudável é uma opção queridinha na hora de montar um cardápio bacana. Vai bem com frutas, com granola, em molhos para saladas e

Permissão de cookies

Coletamos informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para melhorar o funcionamento das páginas, mensurar a audiência e oferecer uma melhor experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Cookies.